Em tempos de crise, saiba algumas dicas para economizar dinheiro e viajar sem passar sufoco

0
8092

real_1006

Quando o principal obstáculo para viajar é a falta de dinheiro, ao contrário do que se pensa, é um problema fácil de solucionar, segundo o site Skyscanner.

Conheça algumas dicas que podem ajudar a economizar dinheiro para viajar e se preparar para visitar os lugares que quiser, quando quiser:

1- Tenha um cofrinho: Pode ser um vidro grande, um porquinho ou até mesmo uma poupança. O mais importante é ter um lugar específico para guardar dinheiro, sejam moedinhas que sobram como troco no mercado, seja uma quantia específica que você pretende juntar por mês.

2 – Estipule uma meta: Com um cofre ou uma conta no banco para juntar dinheiro, estipule uma meta, a partir de quanto você pode economizar por mês. Consegue poupar 10% do seu salário? Ou consegue guardar apenas R$ 10 por mês? Não importa quanto, mas sim a dedicação: assim que você estipular uma meta, se esforce para juntar o montante no fim do mês e guarda-lo em seu cofre.

3 – Organização financeira: Para que os dois itens anteriores sejam possíveis, é preciso ter organização financeira. Monte uma planilha com todas as entradas e despesas que você tem e, no final ou começo de cada mês, faça uma análise e confira gastos que podem ser eliminados no próximo mês.

4 – Mude seus hábitos: Em vez de pagar caro por uma mensalidade na academia, que tal praticar exercícios em casa? Ou mesmo substituir as horas de malhação por simples atividades ao ar livre? Outras sugestões, nesse mesmo sentido é preparar o próprio almoço em vez de almoçar fora ou em vez de ir ao salão para fazer as unhas, ser a sua própria manicure. A dica é cortar gastos e, de quebra, tornar sua vida muito mais ativa.

5 – Use transporte público: Ou vá de bicicleta. Economize com a gasolina e terá algumas centenas de reais a mais para sua viagem no final do mês. No mesmo sentido da dica anterior, deixar o carro em casa é uma mudança de hábito um tanto quanto difícil, mas altamente recompensadora quando a ideia é juntar dinheiro para viajar.

6 – Não faça compras desnecessárias: Sabe quando você passa por uma vitrine e vê um belo par de sapatos? Ou quando você descobre a promoção de um aparelho de som de última geração para o seu carro? Antes de sair comprando, pare para pensar se essa próxima aquisição é realmente necessária. A máxima de se perguntar “Eu posso? Eu Preciso?” Nunca é demais para evitar impulsos.

7 – Vá a lugares mais baratos: Se você frequenta restaurantes ou lugares caros pelo menos uma vez por semana, para descontrair e se livrar do estresse do dia, considere a possibilidade de ir a lugares mais baratos e econômicos. Nesse mesmo sentido, caso você queira mesmo economizar, diminua o número de vezes que sai para jantar fora ou para a balada no mês. Em vez de toda semana, que tal a cada 15 dias? Uma vez ao mês? Lembre-se que seu sacrifício será recompensado por uma bela viagem.


8 – Faça você mesmo: Para muitas pessoas, sextas e sábados à noite em casa são sinônimos de delivery. Este hábito costuma comer uma boa fatia do salário e sem se dar conta muitos gastam horrores pedindo comida em casa. Por isso, a recomendação é fazer a própria janta, nem que seja algo rápido. Hoje em dia, há diversos sites e canais no YouTube com dicas e receitas para quem quer cozinhar sem perder muito tempo e até mesmo sem gastar muito.

9 – Use programas de milhagem: Sempre que for comprar uma passagem aérea, use programas de milhagem e seja fiel a uma empresa. Dessa forma, será possível usar milhas para voos promocionais, além de participar de ofertas especiais.

10 – Venda o que você não usa mais: É a lei do desapego: não usa ou não serve mais, venda. Isso vale para roupas, livros, calçados e até mesmo aparelhos eletrônicos. O importante é se desfazer de itens que perderam a utilidade e usar o dinheiro obtido com a venda para viajar.

11 – Elimine gastos: Lembra da dica para mudar de hábitos? Eliminar os gastos é quase a mesma coisa, mas tem a ver com despesas que até parecem importantes, mas são supérfluas a ponto de nem fazerem falta quando eliminadas. Corte a TV a cabo, cancele assinaturas em revistas e jornais e troque o plano do seu celular por um pré-pago. Você vai conseguir economizar uma boa quantia, caso possa acabar de uma vez com estes gastos.

12 – Faça programas alternativos: Em vez de ir à balada toda semana, jantar em restaurantes caros ou fazer compras no final de semana, que tal fazer piqueniques no parque, ir à feira ou frequentar programas culturais gratuitos? Ainda nesse sentido, vá ao cinema somente nos dias promocionais e evite comprar pipoca, refrigerantes ou outras guloseimas. Assim, você consegue se divertir, mas sem gastar tanto!

13 – Faça compras pela internet: E evite a tentação de encher o carrinho, afinal o objetivo é evitar gastos extras com compras impulsivas. As compras pela internet são perfeitas para quem quer evitar gastos desnecessários, mas tem que ser bem objetivo, por isso mantenha o foco, sempre que acessar uma loja virtual.

14 – Troque as marcas caras: Claro que muito do que é barato demais custa caro depois, mas é possível sim fazer a troca por marcas caras por produtos mais acessíveis. Comprar genéricos e usar produtos que mantêm a mesma qualidade, mas que são mais populares em relação a outras marcas são boas opções para economizar.

15 – Mantenha o foco: É difícil ter que abrir mão de tantas coisas para juntar dinheiro, ainda mais quando os amigos e familiares fazem questão de te convidar toda semana para gastar em um restaurante, pizzaria ou balada. No entanto, lembre-se: todo o esforço será temporário e com o dinheiro acumulado será possível realizar a viagem dos sonhos. O segredo, portanto, é manter o foco e se dedicar aos seus objetivos.

apoio_04

SEM COMENTÁRIOS