Golpe no WhatsApp oferece desconto em passagens da Latam

0
3624

whatsapp_1003

Um novo golpe cibernético está circulando no WhatsApp, confundindo muitos usuários do aplicativo. O golpe começa com uma suposta promoção de passagens aéreas da Latam a preços aquém dos habituais. A mensagem traz um link para um site com instruções de como ganhar um cupom de desconto em viagens.

A ameaça foi identificada pelo especialista em segurança da Kaspersky Lab, Fábio Assolini, que relaciona a prática recorrente desse tipo de golpe ao grande número de usuários do WhatsApp no Brasil. Neste ano, golpe semelhante usou como fachada a rede de lanchonetes Burger King.

A estratégia dos criminosos consiste no envio de uma mensagem com a promessa de concorrer a duas passagens aéreas da Latam. A promoção seria em comemoração ao aniversário de 50 anos da companhia.

Os usuários mais atentos a detalhes logo percebem que há algo errado, pois a TAM associou-se à chilena Lan Airlines, dando vez à Latam, nome que passou a valer comercialmente em maio deste ano. Além disso, a TAM foi fundada em 1976 pelo comandante Rolim Adolfo Amaro, portanto a empresa aérea tem 40 anos, não cinquenta como mencionam os golpistas.


O site malicioso da anunciada promoção informa que para ganhar cupom no valor de R$ 60, para desconto na aquisição de passagens aéreas, é preciso compartilhar o link com dez amigos ou três grupos no WhatsApp. Na sequência, o usuário deve retornar ao tal site para completar o cadastro com seus dados.

Ao clicar em “continuar”, o desavisado encontra instruções para instalar uma atualização que pode ser um aplicativo malicioso ou um vírus. Algumas vezes, o usuário é convidado a informar o número de telefone como forma de cadastrar-se em serviços “Premium”, os quais descontarão determinado valor na conta bancária.

É preciso cautela ao receber links no WhatsApp ou no computador, sendo que o melhor, antes de qualquer ação, é conferir o site da empresa que supostamente oferece uma promoção. Em suma, na dúvida não acesse links ou abra arquivos anexos.

apoio_04

SEM COMENTÁRIOS