Sheik do Qatar visitará a Chapecoense e conhecerá família de Caio Júnior, com quem fez amizade

0
1899

khalifa_althan_1001

No sábado (17), o sheik Tamim bin Hamad bin Khalifa Al Than, emir do Qatar, irá a Chapecó (SC) para visitar a Chapecoense e conhecer a família do técnico Caio Júnior, com quem estabeleceu relação de amizade durante o período (2009 – 2011) em que o treinador dirigiu o Al-Gharafa, clube do qual é torcedor.

O contato entre Al Than e o clube foi intermediado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A entidade enviou à Chapecoense um comunicado e agendou a presença do emir na cidade catarinense. A chegada de Al Than está prevista para as 10 horas da manhã.

A agenda inclui uma passagem pela sede do clube, conversas com dirigentes, visita à Arena Condá e encontro com a viúva e o filho de Caio Júnior. Ambos irão de Curitiba a Chapecó para o encontro.


Além do cargo de chefe de Estado, Al Than ocupou funções como chefe do comitê olímpico local. Em 2005, o sheik criou o fundo de investimentos dono do Paris Saint-Germain, da França, e trabalhou nas candidaturas do país para receber a Copa do Mundo de 2022, além a tentativa frustrada de sediar aa Olimpíada de 2020, que será em Tóquio, no Japão.

A ideia do emir de visitar Chapecó surpreendeu os dirigentes do clube. No primeiro momento, a diretoria não acreditou no interesse de Al Than. Diante da falta de retorno dos pedidos para o encontro, o sheik decidiu entrar em contato com a CBF, que mediou as conversas e enviará representantes para acompanhar a passagem do visitante.

O clube não confirmou se, além da visita, o emir pretende doar dinheiro para o trabalho de remontagem do elenco da Chapecoense. A diretoria tem encontrado dificuldades para encontrar reforços, depois de perder 19 jogadores no trágico acidente aéreo na Colômbia, no último dia 28 de novembro.

apoio_04

SEM COMENTÁRIOS